Agora...

00:00:00

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Obrigado a todos pelos acessos de 2016

Chega ao fim de mais um ano de trabalho do blog Piccolo Esportivo. Quero agradecer a todos que acessaram e divulgaram o blog. 

Quero aproveitar para agradecer os quase 294 mil acessos. Obrigado a todos que confiam no trabalho sério do blog, que trabalha da melhor forma possível para melhor informar você. 

Um agradecimento às empresas que colaboram com o blog e o desejo que essa parceria continue, com o objetivo de divulgar o esporte amador da região. 

Em 2017 continuaremos esse trabalho de informar os amantes do esporte de Nova Pádua e Flores da Cunha. Conto com a sua opinião, com a sua sugestão e claro, com os seus acessos. 

Que o ano 2017 venha repleto de saúde, paz, alegrias e muitas realizações. Que todos possam alcançar seus objetivos traçados. 

Feliz e Próspero Ano Novo.  

Maicon Pan 
Diretor do Blog Piccolo Esportivo

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Os técnicos destaques da temporada

No final de cada ano, são eleitos os melhores atletas de cada modalidade. No futebol não é diferente. São escolhidos os jogadores que se destacaram. O blog Piccolo Esportivo elegeu o melhor técnico da temporada de 2016 do Município de Flores da Cunha e Nova Pádua.

O critério levado em conta foi o número de finais e títulos de cada treinador. Em Flores da Cunha, o comandante é Luiz Fernando Rosa. “Nando” conquistou o título do futsal da categoria veteranos e juniores pelo Nacional. No citadino de futsal, também treinando o Nacional, não garantiu a presença em mais uma final porque Nacional e Broca 18 foram eliminados após confusão entre atletas das equipes. 

Em Nova Pádua, o destaque de 2016 foi Odeli Sonda. O técnico levou a equipe do Gud Plei ao título inédito do Futebol 7. Na quadra, Sonda levou a mesma equipe do Gud Plei ao vice-campeonato do futsal categoria principal.

No campo, Odeli conquistou o título do Futebol de Campo – Taça Egídio Alessi. A final contra o Loteamento Jorge Baggio foi paralisada pelo árbitro da partida por falta de segurança. No dia 14 de dezembro, o Departamento Jurídico da Prefeitura de Nova Pádua oficializou om Paduense campeão da competição baseado no regulamento e na súmula do jogo. 

Para o atleta Anderson Pacheco, do Nacional, “Nando” é um treinador focado, que traça um objetivo desde o começo do campeonato e ao longo dele faz tudo para alcança-lo. “É um treinador que motiva e faz com que a vontade dele seja transmitida aos jogadores”, destaca Pacheco. 

Para o capitão do Nacional na conquista dos juniores, Brandon Iunges, Nando é um técnico de caráter ímpar. É humilde e muito responsável, além de ser nosso exemplo dentro e fora de quadra. “O Nando faz de tudo pelo esporte. Foi uma honra jogar como seu capitão”, completou Brandon. 

Em Nova Pádua,os atletas também falaram sobre o trabalho de Odeli Sonda, que chegou a três finais em 2016. Para o grupo do Paduense, o treinador tem uma semelhança com Renato Gaúcho e faz com que o time jogue por ele. “Ele une o grupo e preza pelo respeito entre todos os atletas e a comissão técnica”, destacam os atletas. 

O elenco do campeão Pasuense também destaca a postura do comandante. “Ele incendeia o vestiário e faz toda a parte motivacional dos jogos. Odeli passa ao grupo toda a sua experiência, deixando os atletas tranquilos para os jogos. Dentro e fora de campo, conduz muito bem a equipe”, finalizam os comandados.

Segundo os atletas, Odeli é uma pessoa amiga de todos. “Chegamos ao nosso objetivo com a ajuda dele. No grupo, criamos uma amizade muito grande entre todos. Essa convivência sadia permanece fora das quatro linhas”.

Por: Maicon Pan

sábado, 17 de dezembro de 2016

Rui Barbosa conquista a 1ª Copa Regional Máster de Futebol de Campo

Na noite de ontem, 16 de dezembro, o Município de Flores da Cunha encerrou as competições esportivas com a decisão da 1ª Copa Regional de Futebol de Campo. A equipe do Rui Barbosa venceu o Paduense por 2 x 1 e sagrou-se campeão invicto.

O jogo não teve muitos lances de gol. Na primeira etapa, o Rui Barbosa foi melhor. Teve mais toque de bola, mas faltou um pouco mais de capricho nos cruzamentos. 

Aos 21 minutos, o lateral Marcio cruzou da direita, a zaga do Paduense afastou e no rebote, Flávio Marin chutou forte e abriu o placar para a equipe da Linha 80. Depois do gol a equipe administrou o jogo. A equipe do Paduense teve apenas uma chance em chute de longe de Plínio. 

Na segunda etapa, o Paduense foi melhor e as alterações do técnico Ademir Tonello ajudaram a equipe a ter mais posse de bola e chegou algumas vezes com perigo ao gol de Jair Caberlon. 

Aos 19 minutos da etapa final, o lateral Marcio tentou cruzar e encobriu o goleiro Mauro. No lance seguinte, Marcelo Isoton perdeu grande chance para o Rui Barbosa. 

Com o placar de 2 x 0 a seu favor a equipe do técnico Marcos Cemim controlou o jogo. Por outro lado, o Paduense chegava forte, mas faltava força nas finalizações. Aos 36 minutos, Gilson foi derrubado na área e o árbitro Adriano dos Santos assinalou pênalti. Na cobrança Itamar Bernardi diminuiu para o Paduense, mas já era tarde. 

Além do título, o Rui Barbosa teve o goleador Nereu Jorge Araldi e o goleiro menos vazado Jair Caberlon. A equipe do Restinga ficou com o troféu disciplina, recebido por Adimir Fortunati. 

Por: Maicon Pan

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Paduense e Rui Barbosa lutam pelo título da Copa Regional de Futebol Master

Nesta sexta-feira, dia 16 de dezembro, a partir das 20h30min, será realizada a final da última competição disputada na temporada de 2016. 

No Estádio Homero Soldatelli, acontece à decisão da Copa Regional de Futebol de Campo Master entre Paduense e Rui Barbosa. 

Paduense e Cruzeiro empataram em 1 x 1. Julio Gavazzoni marcou para o Cruzeiro e Reni Menegat “Lula” para o Paduense. Na cobrança de penalidades máximas, o Paduense venceu por 4 x 3.

Na outra semifinal, o Rui Barbosa derrotou a equipe do Restinga pelo placar de 2 x 0. Marcelo Isoton marcou os dois gols da classificação. 

Por: Maicon Pan

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Paduense é oficializado campeão de 2016

Passados 25 dias da final entre Paduense e Loteamento Jorge Baggio, o Departamento Jurídico da Prefeitura Municipal, baseado na sumula da decisão e no regulamento da competição, oficializou a equipe do Paduense como campeão do 24º Municipal de Futebol de Campo.

A equipe do E.C. Paduense conquistou o 13º título da modalidade
O Departamento Jurídico também decidiu pela eliminação da equipe do Loteamento Baggio do certame. Por conta disso, a competição não terá um vice-campeão. A equipe do Ferroviário terminou na 3ª colocação. 

Willian Menegat, com sete gols sofridos em oito jogos, recebeu o troféu de goleiro menos vazado. Franciel Ascari, também Paduense, balançou as redes oito vezes e ficou com o troféu de goleador. 

Com a conquista, a equipe do Esporte Clube Paduense chegou ao seu 13º título do futebol de campo de Nova Pádua. 

Por: Maicon Pan

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Nacional é bicampeão do futsal juniores

Depois da conquista do futsal veteranos, a equipe do Nacional colocou mais uma taça no armário. No sábado, dia 10 de dezembro, conquistou o título do Futsal Juniores de Flores da Cunha ao vencer o Alfredão Camp Nei pelo placar de 3 x 0. 

A final começou num clima tenso entre as duas torcidas com atletas das euipes adversárias. A primeira chance de gol foi do Alfredão. Nathan chutou cruzado para boa defesa de Michael. Aos oito minutos, Willian chutou forte para defesa de Paulo Venturini. 

Aos dez, Bruno Ortencoff recebeu passe da cobrança de lateral e chutou forte para grande defesa de Venturini. A bola ainda tocou na trave antes de sair. Aos onze, foi a vez do Alfredão Camp Nei assustar. Guilherme Curra recebeu passe de Nathan e concluiu rente a trave. 

Aos 14 minutos, a equipe do Nacional abriu o placar. Willian fez jogada individual e tocou na saída do goleiro Paulo. Aos 16, Guilherme recebeu do pivô, mas o goleiro Dal Pra fechou o ângulo e fez boa defesa. 

Aos 18 minutos de jogo, Nathan fez jogada individual, mas o chute saiu prensado. No rebote a zaga do Nacional afastou mais uma vez. A primeira etapa terminou 1 x 0 para o Nacional.

A equipe do Alfredão voltou do intervalo querendo mudar os rumos da final. Aos quinze segundos, Brando errou em bola e Nathan chutou forte. A bola passou pelo goleiro, mas um pé salvador apareceu e tirou em cima da linha. 

Aos quatro, Guilherme Sonda recebeu, girou sobre a marcação, mas a bola saiu fraca, no meio do gol. No lance seguinte, Guilherme fez a mesma jogada, mas desta vez concluiu forte com o pé direito e marcou o segundo gol do Nacional. 

Aos seis, Nicolas fez jogada individual e chutou para boa defesa do goleiro Michael. No minuto seguinte, em cobrança de falta ensaiada, Natan desperdiçou quase em cima da linha.

Aos oito minutos, Rafael De Paula foi expulso pelo árbitro da partida depois de pisar em Willian que estava no chão depois da disputa de bola. Depois do lance iniciou uma confusão entre as duas torcidas e a partida ficou paralisada durante quinze minutos. 

Com um jogador a mais, o Nacional pressionou, mas, parou nas mãos do goleiro Paulo que fez duas grandes defesas. Aos doze, Nathan arriscou, mas sem perigo para o goleiro Michael. 

A última cartada do técnico Edinei Ribeiro foi a tentativa do goleiro linha. A troca surtiu efeito e no primeiro lance Nicolas chutou forte, mas o goleiro do Nacional salvou com o pé. Na jogada seguinte, Guilherme errou o passe e Eric Bertin saiu com a bola dominada e chutou para fora. Camisa do Inacreditável F.C para o camisa 13 do Nacional.

Aos 18 minutos, Willian aproveitou o contra ataque e marcou mais um para o Nacional, fechando o placar em 3 x 0 para o Nacional, sagrando-se bicampeão. A equipe do Rui Barbosa recebeu o troféu disciplina. 

Kevin Miranda, da equipe do Guadalupe, foi o artilheiro da competição com 14 gols marcados. Paulo Venturini, do Alfredão, sofreu 17 gols e ficou com o troféu de goleiro menos vazado do certame. 

Classificação Final 
Campeão: Nacional 
Vice-Campeão: Alfredão Camp Nei 
3º Lugar: Rui Barbosa 
4º Lugar: The Coca Fevers 

Por: Maicon Pan

domingo, 11 de dezembro de 2016

JA conquista o tricampeonato do futsal feminino de Flores da Cunha

Na tarde do último sábado, 10 de dezembro, JA e Rosa Dourada entraram em quadra para decidir o título do Municipal de Futsal Feminino de Flores da Cunha. Com a vitória de 5 x 1, a equipe do JA sagrou-se tricampeão da modalidade. 

Aos 4 minutos, Elaine teve a 1ª chance de gol, mas a goleira Suzana fez boa defesa. Aos 11 minutos, a Rosa Dourada abriu o placar. Milana aproveitou a falha da zaga do JA e tocou na saída da goleira Sandra. 

No lance seguinte, Milana ganhou da zaga e acertou a trave de Sandra. Aos oito minutos, o JA quase chegou ao empate. Marluci foi lançada, mas a goleira Suzana saiu nos pés da atacante. 

Aos quinze minutos, o Rosa Dourada acertou o contra ataque e Tanya saiu na casa da goleira Sandra que fez uma defesa espetacular evitando o segundo gol da equipe do técnico José Rodrigues. 

No minuto seguinte, a equipe do JA chegou ao empate. Estela foi lançada e de bico deslocou a goleira para deixar tudo igual. Aos 17 minutos, Fabiane arriscou de longe e a goleira do JA faz boa defesa. 

Aos 16:30 Bruna deixou Mayara com chance de finalizar, mas a bola bateu no pé da trave. Fim da primeira etapa e o placar apontava 1 x 1. 

Aos cinco minutos da etapa final, a equipe treinada por Adilson Fagundes virou o placar. Mayara fez jogada individual e tocou para Elaine que só teve o trabalho de tocar para o fundo das redes. Aos seis minutos, Bruna tocou para Elaine que marcou o 3º do JA.

Aos onze, a goleira Suzana pegou a bola com as mãos fora da área e recebeu o segundo amarelo em por consequência o cartão vermelho. Sem goleira reserva, Tanya foi para o gol. Na cobrança de falta, Bruna acertou o travessão. 

Aos dez, Marluci chutou de fora da área e ampliou o placar para o JA. Com o placar de 4 x 1, a equipe passou a administrar o placar. Aos dezoito minutos, a dupla paduense mostrou que estava afinada. Elaine tocou para Bruna que acertou o ângulo e fechou o placar em 5 x 1. 

Vani, do Rosa Dourada, com 22 gols marcados, ficou com o artilheiro da competição. Sandra e Caroline, do campeão JA ficaram com o troféu de goleiras menos vazadas. As equipes do MAF 1, MAF 2, UFFAP, Águia Dourada e Jorgitas receberam o troféu de participação.

A equipe do JA também recebeu o troféu disciplina, mostrando que é possível vencer competições com disciplina. Danieli Carrossi, da equipe do UFFAP, foi eleita a atleta destaque da competição. 

Classificação Final: 
Campeão: JA 
Vice-Campeão: Rosa Dourada 
3º Lugar: Valencia 
4º Lugar: Fenix 

Por: Maicon Pan

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Alfredão e Nacional fazem a final do futsal juniores de Flores da Cunha

No sábado, o Município de Flores da Cunha vai conhecer o campeão do futsal júnior. Alfredão e Nacional decidem o título da competição. 

Numa das semifinais, o Alfredão venceu a equipe do The Coca Fevers pelo placar de 5 x 2 e garantiu presença na final. Nathan Menegat marcou três vezes abrindo 3 x 0 para o Alfredão. Aqui no blog o artilheiro do jogo pede música, no embalo de Clandestino, do cantor Manu Chao, em homenagem a torcida Barra dos Ovelhas.

No início da segunda etapa, Luciano Giachelin diminuiu para o The Coca Fevers, mas três minutos depois, Guto Sonda fez 3 x 1 para o Alfredão. No minuto seguinte, Renato Kehwaltd diminuiu mais uma vez para o The Coca. Faltando dois minutos para o fim, Guilherme Fontana decretou a vitória de 5 x 2.

Na outra semifinal, a equipe do Nacional derrotou o Rui Barbosa pelo placar de 4 x 2. Erich Bertin abriu o placar logo aos 4 minutos de jogo. Aos oito, Lindones Balardin empatou para o Rui Barbosa. Dois minutos depois, Anderson Pacheco deixou o nacional na frente do placar. 

Aos oito da etapa final, Pedro Cardoso deixou tudo igual mais uma vez. Quando o jogo estava equilibrado, Gabriel Castro e Brandon Iunges marcaram para o Nacional, fechando o placar em 4 x 2.

O goleiro Paulo Venturini praticamente garantiu o troféu de goleiro menos vazado da competição com 14 gols sofridos. Na sequencia aparece Michel Dal Pra, do Nacional, com 22 gols tomados. 

A disputa pela artilharia continua em aberta. Kevin Miranda, do Guadalupe, marcou 14 gols. Dos finalistas, Brandon Iunges e Willian Ferro, ambos do Nacional, têm 12 e 11 gols anotados respectivamente. Jackson Castellan, do Alfredão, aparece também com 11. 

A final está marcada para este sábado, dia 11 de dezembro, a partir das 15:00 horas, no Ginásio Poliesportivo. Em seguida, acontece a final do feminino entre as equipes do JA e Rosa Dourada. 

Por: Maicon Pan

domingo, 4 de dezembro de 2016

Bairro Centro é campeão do Interbairros

Na tarde deste domingo, dia 03, a equipe do Bairro Centro conquistou o título do 6º Campeonato Interbairros de Flores da Cunha. 

O jogo teve dois tempos bem distintos. Na primeira etapa a equipe do Centro foi superior e criou várias chances de gol. Everson cobrou falta a favor do Centro, o goleiro Arlan Siqueira bateu roupa e o atacante Juninho bateu por cima do gol, perdendo um gol incrível. 

A equipe do técnico Marciano Tomazi e a comissão técnica do Centro reclamaram a anulação de um gol. O árbitro da partida alegou falta no zagueiro do São Cristóvão antes da bola ultrapassar a linha do gol. 

Aos 41 minutos da etapa, Juninho se redimiu do gol perdido e de quebra marcou um gol olímpico. Em cobrança de escanteio a zaga e o goleiro do São Cristóvão bateram cabeça e a bola acabou entrando. A equipe do Centro marcava o gol do título. 

A equipe do São Cristóvão voltou com alterações e dominou a segunda etapa. Com maior posse de bola, a equipe pressionou em busca do gol de empate. Glauco Costa teve chances em chutes de longa distancia. 

Em busca do empate, o técnico Clademir Fontana deixou a equipe mais ofensiva, colocando Igor, Pietro e Manosso. Aos 40 minutos Pietro recebeu na marca do pênalti, girou sobre a marcação e chutou para grande defesa do goleiro Leandro. 

Nos acréscimos, a equipe do São Cristóvão pressionou, mas os zagueiros Hugo e Thiago tiravam da forma que dava. Destaque também para o volante Wagner que teve boa atuação na defesa do Centro. 

A equipe do Ipiranga, do Travessão Alfredo Chaves, recebeu o troféu disciplina. Leandro Pedron, do Bairro Centro, com 4 gols sofridos, ficou com o troféu de goleiro menos vazado.

Lucas Barcaro, do Bairro União, recebeu o troféu de goleador nos critérios de desempate. Empatado com Jaderson Pedrozo, do União Bella Vista, ambos com 10 gols marcados, Barcaro foi o artilheiro por ser o mais "velho".

Por: Maicon Pan

sábado, 3 de dezembro de 2016

JA e Rosa Dourada estão na final do futsal feminino de Flores da Cunha

Na noite de ontem, a decisão foi na categoria feminina. Na tarde deste sábado, 03 de dezembro, foram realizadas as semifinais do citadino de futsal feminino de Flores da Cunha. 

Na primeira semifinal, a equipe do JA goleou o Valencia por 9 x 0 e garantiu presença na final da competição. Na outra semifinal, as equipes Rosa Dourada e Fenix fizeram um jogo mais equilibrado. No fim, vitória da Rosa Dourada e passaporte para a final do certame. 

O DMD de Flores da Cunha ainda não confirmou a data e horário da decisão, mas é bem provável que seja realizada no próximo sábado, 11 de dezembro, no Ginásio Poliesportivo Marcos João Pivotto. 

Semifinais 
17:00 - JA 9 x 0 Valencia 
18:00 - Rosa Dourada 5 x 2 Fenix 

Final 
JA x Rosa Dourada 

Por: Maicon Pan

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Nacional é tricampeão do futsal veteranos de Flores da Cunha

Na noite desta sexta-feira, a equipe do Nacional conquistou o tricampeonato do Futsal Veteranos de Flores da Cunha ao derrotar o JA nos pênaltis por 4 x 3. No tempo, empate em 1 x 1. 

A equipe do JA entrou em quadra mais ligada, enquanto que a equipe do Nacional não conseguia acertar a marcação. O técnico Nando Rosa pediu tempo logo aos cinco minutos. Depois da parada Jean Pereira abriu o placar para o Nacional.

Depois do gol, o JA perdeu mais quatro chances claras de empatar o jogo. A partir dos 10 minutos, o Nacional equilibrou o jogo e foi criando chances de ampliar o marcador. Aos 16 minutos a trave salvou o nacional e no lance seguinte foi o goleiro que fez grande defesa. 

Na segunda etapa o jogo foi mais equilibrado e o Nacional deve as melhores chances para ampliar. Jean acertou o travessão, Manozzo perdeu cara a cara com o goleiro Marcos. Pelo lado do JA, Neguinho e Oda continuaram mostrando que a pontaria não estava calibrada.

De tanto tentar, o JA chegou ao empate quando faltavam 1:05 segundos para o término da partida. Eder escorou o cruzamento de Oda e empurrou para o fundo das redes. 

Na saída de bola, Jean Pereira perdeu um gol cara a cara com o goleiro Marcos. Depois do cruzamento de Tiago, Jean cabeceou no ângulo para grande defesa de “Nane”. 

Com o empate, a decisão foi nos pênaltis. A equipe do Nacional foi melhor e venceu por 4 x 3. Com o titulo deste ano, o Nacional chega ao tricampeonato consecutivo. O primeiro título da categoria veio em 2010. 

Jair Ortencoff, do JA, marcou 21 gols e foi goleador da competição. Marcos Menegat, do JA, sofreu 10 gols e foi o goleiro menos vazado. 

Antes do início da partida, os atletas, membros das comissões técnicas e torcedores fizeram um minuto de silêncio pela trágico acidente com o avião da equipe da Chapecoense. 

Por: Maicon Pan

Esporte Clube Planalto comemora 25 anos do primeiro título de sua história

Neste sábado, 03 de dezembro, a equipe do Planalto, do Travessão Bonito, comemora os 25 anos da conquista do primeiro título de sua história: o 1º Campeonato Integração de Nova Pádua.

Elenco do Planalto, campeão 1º Campeonato Integração 
Em 1991, Planalto e S.E.R Paredes decidiram o título da competição no Travessão Curuzu. No tempo normal, empate em 1 x 1. Na etapa inicial, Plínio abriu o placar para o Planalto. No fim do segundo tempo, Neco empatou para a equipe do Travessão Santo Isidoro. Na prorrogação, Plínio voltou a balançar as redes marcando o gol do título. 

O certame daquele ano homenageou Adilo Fabian. A final teve a arbitragem de Ildo Stangherlin, o “Pipa Sacarol”.

Escalação do time que iniciou a final: 
Francisco Alessi, Odi Morandi, Pedro Pegararo, Lourenço Morandi e Valdemir Vailatti. No Meio: José Pegoraro, Carlos Pilatti, Valério Bisinella e Olinto Pegoraro. Na frente: Bento Munaro e Plinio Bisinella. Técnico Nilo Marin.

Para comemorar esses 25 anos do título, será celebrada uma missa de Ação de Graças na comunidade do Travessão Bonito, a partir das 19h30min. Logo em seguida será servido uma jantar de confraternização para relembrar as histórias e os jogos desta primeira de muitas conquistas da equipe. 

No dia 12 de setembro de 2015, a Direção organizou uma grande festa para celebrar o Jubileu de Ouro do Esporte Clube Planalto. Na oportunidade, foi lembrado o trabalho, empenho e dedicação dos fundadores, presidentes, membros das diretorias, comissões técnicas e atletas que vestiram as cores do Esporte Clube Planalto. 

Por: Maicon Pan

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Futsal feminino de Flores da Cunha chega à fase semifinal

Neste sábado, dia 03 de dezembro, acontecem as semifinais do Citadino de Futsal de Flores da Cunha. Os jogos das quartas de finais foram realizados no último sábado. 

A equipe da Fenix goleou a MAF1 pelo placar de 4 x 0 com gols Joice Tome, Nicole Ulgium e Michele Venturin em duas oportunidades. O adversário da semifinal será a Rosa Dourada, que venceu o Águia Dourada por 3 x 1. Vanir Wolff e dois de Milana dos Santos fizeram os gols da classificação. Ana Paula de Ré marcou o gol do Águia. 

A equipe do Valencia conseguiu a vaga para a semifinal ao vencer As Jorgitas por 3 x 0. Os gols foram marcados por Elenice Pasquali, Amanda Gonzati e Rosimar Belo Foscarini. O adversário será o JA que derrotou o UFFAP também por 3 x 0, com gols de Bruna Galiotto e dois de Marluci Manosso. 

Os dois jogos da fase semifinal serão realizados no Ginásio Polienportivo de Flores da Cunha. 

Resultados das Quartas de Final 
MAF1 0 x 4 Fenix 
Jorgitas 0 x 3 Valencia 
JA 3 x 0 UFFAP 
Rosa Dourada 3 x 1 Águia Dourada 

Semifinais - Dia 03 de Dezembro: 
17:00 - JA x Valencia 
18:00 - Rosa Dourada x Fenix 

Por: Maicon Pan

Futsal Juniores apontará os finalistas

O futsal de Flores da Cunha conhecerá os finalistas da categoria juniores neste sábado no Ginásio Poliesportivo. 

Numa das semifinais, a equipe do Alfredão, que venceu o União F.C por 6 x 1, enfrentará o The Coca Fevers que nas quartas de finais despachou o FDB F.C com uma vitória de 3 x 1. 

Na outra semifinal, a equipe do Nacional, que derrotou o Guadalupe por 5 x 2, pega o Rui Barbosa, que empatou com o Cruzeiro por 4 x 4 no tempo normal e garantiu a classificação na cobrança de pênaltis. 

Semifinais: 
14:00 – Alfredão x The Coca Fevers 
15:00 – Nacional x Rui Barbosa 

Por: Maicon Pan