Agora...

00:00:00

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Feliz Ano Novo!

Que no ano novo que se aproxima possamos sonhar, e acreditar, de coração, que podemos realizar cada um de nossos sonhos.

Foto: Divulgação
Que no ano novo possamos abraçar e repartir calor e carinho.

Que tenhamos tempo para sentir toda a beleza da vida, e que saibamos senti-la nas coisas mais simples.

Que possamos sorrir, e contagiar a todos com uma alegria verdadeira.

Que possamos agradecer, e expressar a Deus e a todos o nosso “Muito Obrigado!”, e assim começaremos mais um Ano Novo.

Foto: www.recadosface.com
Um desafio, uma oportunidade e um pensamento: “Que em 2012 sejamos Muito Felizes”

São os sinceros votos aos atletas, dirigentes, torcedores, colaboradores, amigos e seguidores que acessaram este blog durante os últimos cinco meses de 2011, fazendo com que ultrapassássemos a marca dos 26 mil acessos.

“Essa é uma prova de nossa credibilidade e profissionalismo para com você que acompanha e admira o nosso trabalho”.

O Piccolo Esportivo volta no dia 10 de Janeiro, trazendo muita informação do esporte de Nova Pádua. Este blog deseja a todos um próspero 2012, repleto de realizações e conquistas.

Por: Equipe Piccolo Esportivo

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Feliz Natal

Que a magia guardada durante todo o ano esteja presente nos corações daqueles que celebram o Natal;

Foto: Divulgação
O Natal simboliza vida nova e nele comemoramos o nascimento de Jesus que modificou a nossa maneira de ver o mundo, trazendo amor e esperança;

Que neste natal sejam concretizados todos os desejos de um mundo melhor;

Que todos estabeleçam um novo modelo de humanidade e que nada seja mais forte do que a união;

Feliz e Santo Natal!

Por: Equipe do Piccolo Esportivo

sábado, 17 de dezembro de 2011

Juventude carimba faixa do Paduense

No amistoso que marcou a entrega de faixas ao Paduense, a equipe alviverde de Caxias do Sul não tomou conhecimento do atual campeão municipal de Nova Pádua e goleou por 6 x 0.

Foto: Maicon Pan
Com os 11 jogadores jogando atrás da linha da bola, o Paduense resistiu até os 18 minutos quando Zulu escorou para o fundo das redes abrindo o placar para o Juventude.

Aos 28 minutos, Athos acertou um chute de primeira depois do cruzamento preciso de Ramiro e ampliou a vantagem do juventude. No lance seguinte, Zulu acertou um belo cabeceio e fechou o placar do 1º tempo em 3 x 0.

O placar da 1ª etapa só não foi maior pela atuação destacada do goleiro Piriquito que salvou o Paduense com pelo menos cinco grandes defesas. O zagueiro Muti também chamou a atenção da equipe da Rádio Caxias pela atuação segura, principalmente no jogo aéreo.

Foto: Leticia Pan
No segundo tempo, os dois técnicos modificaram as equipes para dar ritmo de jogo aos atletas que não vinham sendo aproveitados. Mesmo com seis alterações, o técnico Inácio Sonda não conseguiu modificar a forma de jogar da sua equipe em busca da reação. 

Com uma postura agressiva, o Juventude aumentou a vantagem com gols de Alan, Michel e Vagner. No quinto gol, Michel chutou de fora da área sem pretensão, mas o goleiro Nane falhou e deixou a bola passar por entre as mãos.

Foto: Leticia Pan
Antes do início do jogo, o Presidente Milton Scola, o técnico Picoli, integrantes da comissão técnica e atletas do Juventude fizeram a entrega das faixas de campeão ao Paduense pela conquista do título municipal de Nova Pádua. 

Depois do jogo as duas equipes participariam de uma janta de confraternização nas dependências do Clube Paduense no centro da cidade.

Por: Maicon Pan

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Tudo pronto para o jogo das faixas

No próximo sábado, acontece o grande jogo da temporada no município de Nova Pádua. A equipe do Paduense recebe as faixas de campeão pela conquista do 19º campeonato municipal de Nova Pádua. Do outro lado, o Juventude vem realizando alguns amistosos preparativos para o campeonato gaúcho 2012.

Foto/Montagem: Maicon Pan
No comando da equipe nas últimas conquistas do Paduense, o técnico Inácio Sonda destaca a importância do amistoso, que vai muito além da entrega de faixas. “Estamos cientes da força do Juventude, mas vamos fazer um grande jogo”, frisou Inácio.

Em 1999 o zagueiro Picoli foi campeão da Copa do Brasil pelo Juventude. Em 2009 assumiu como auxiliar do técnico Osmar Loss. No final de janeiro deste ano, Antônio Picoli assumiu o comando técnico de forma interina no lugar de Beto Almeida.

Foto/Montagem: Maicon Pan
Com um bom desempenho no campeonato gaúcho, Picoli foi confirmado como técnico e conduziu a equipe ao título do interior. Picoli permaneceu no comando da equipe para a disputa da Série D do campeonato brasileiro.

Mesmo não tendo alcançado o objetivo traçado no início da competição, Picoli continua com respaldo da direção e permanece para a temporada 2012.

Amigos em comum, Inácio e Picoli estarão comandando sua equipe em busca da vitória.

Por: Maicon Pan

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Jogo festivo terá Paduense x Juventude

No próximo sábado, dia 17 de dezembro, a partir das 17:00 horas o Paduense recebe as faixas pela conquista do 19º Campeonato Municipal de Nova Pádua. O padrinho desta grande festa será o E. C. Juventude de Caxias do Sul.

Foto: Divulgação
O Departamento de Futebol do Juventude confirmou na terça-feira, dia 06 de dezembro, os três amistosos programados para o mês de dezembro. O primeiro será no dia 14 contra o Clube Atlético Pradense, no Estádio Municipal de Antonio Prado.

A segunda partida preparatória ao Gauchão 2012 será no dia 17 a partir das 17 horas diante do Paduense em Nova Pádua e encerrando o ano, no dia 22 o Juventude enfrenta o São José no Passo D’Areia em Porto Alegre.

De acordo com o técnico Inácio Sonda, os atletas estão bastante ansiosos para enfrentar a equipe alviverde de Caxias do Sul. “Não é um simples jogo. Vamos enfrentar uma grande equipe do futebol gaúcho e brasileiro”, destacou o comandante do paduense.

Sonda ainda frisou a oportunidade que os jogadores mostrarem um bom futebol e chamar a atenção da diretoria do juventude. Quem sabe algum jogador tenha a oportunidade de jogar profissionalmente na equipe caxiense, finalizou Inácio

Foto: http://www.juventude.com.br/
Histórico do adversário
O Esporte Clube Juventude foi fundado em 29 de junho de 1913, por um grupo de 35 jovens caxienses apaixonados por futebol. As cores escolhidas para simbolizar o clube foram o verde e o branco, que permanecem desde aquela época. Em curto espaço de tempo, o clube conquistou uma respeitável solidez esportiva, dominando as competições municipais.

Principais títulos
Em 1994, o Juventude conquistou o 1º título nacional. Com a vitória de 2 x 1 sobre o Goiás, o Juventude conquistava o Campeonato Brasileiro da Série B, garantindo o acesso à série A.

Em 1998, o Juventude quebrou uma hegemonia de mais de meio século dos clubes da capital e conquistou Campeonato Gaúcho de forma invicta depois de uma vitória e um empate contra o Internacional.

Em 1999 o Juventude conquistou a maior conquista do clube. Diante de mais de 100 mil pessoas no Maracanã, o Juventude supera o Botafogo e conquistou a Copa do Brasil.

Jogo Festivo
Paduense x Juventude
Data: 17/12/2011
Horário: 17:00 horas
Local: Campo do Padeunse
Entrada: Franca

Atenção Paduenses: Vocês não podem perder este jogo festivo

Por: Maicon Pan

domingo, 11 de dezembro de 2011

Morro do Sabiá conquista o Integração

Depois de uma classificação heróica na semifinal contra a equipe do Santa Lúcia, quando conseguiu classificação para a grande final pela diferença de apenas 2 pontos.

Na final realizada na cancha da Linha 80, o Morro do Sabiá conquistou o título com a vitória de 3 x 2 sobre a equipe do São Paulo.

Foto: Antônio Colloda
Na decisão, o Morro do Sabiá venceu a 1ª, 3ª partida enquanto que o São Paulo venceu a 2ª e a 4ª. Quando iniciou a 5ª partida o Morro do Sabiá tinha uma vantagem de 12 pontos. Com a vitória pelo placar de 24 x 8, na 5ª partida, a torcida do Morro do Sabiá comemorou a conquista do título.

No elenco do Morro do Sabiá, destaque para os quatro atletas paduense que fizeram parte desta Conquista. Por conta da ausência da equipe da Divisa na competição, Amarildo Tonello, Lourenço Tonello, Olir Menegat e Ivanir Menegat foram campeões pelo Morro do Sabiá.

A diretoria da equipe do Morro do Sabia é composta Alef Salvador (presidente), Nego (vice-presidente) e Tatu (capitão). Com apenas 17 anos de idade, Alef concedeu uma rápida entrevista ao blog Piccolo Esportivo.

Piccolo Esportivo: Há quantos anos você joga bochas? Quantos títulos você já conquistou?
Alef: Comecei a joga no ano passado. Esse foi o meu 1º título da categoria.

Foto: Antônio Coloda
Piccolo Esportivo: Qual a responsabilidade de ser presidente da equipe?
Alef: Minha responsabilidade representar os atletas nas reuniões. Internamente, era responsável pela motivação dos atletas.

Piccolo Esportivo: Qual a importância dos atletas paduenses na conquista do título?
Alef: Em primeiro lugar são grandes pessoas e ótimos jogadores. São atletas que vestem a camiseta com amor. Esperamos que no próximo ano continuem atuando conosco.

Piccolo Esportivo: Como surgiu a decisão de jogar bochas com apenas 16 anos de idade?
Alef: Joguei futebol por alguns anos, mas foi no jogo bochas que encontrei alegria. Apesar de ser um esporte sem contato é muito mais emocionante.

Piccolo Esportivo: Deixe uma mensagem para os jovens?
Alef: A prática de esportes é importante para que os jovens se afastem das ruas e do perigo das drogas.

Por: Maicon Pan

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Planalto atua com time que marcou época

No último domingo, dia 04 de dezembro, a equipe do Travessão Bonito foi convidada para participar do jogo festivo em comemoração aos 30 anos do 1º título municipal da equipe do São Cristovão.

Foto: Arlete Vailatti Bisinella
A equipe do Planalto atuou com Olir, Névio, Toscan, Nadir, Camilo, Henrique, José, Valério, Olinto, Bento e Plínio. No comando Jaime Bisinella.

Depois de 30 anos, esse time que ficou marcado na lembrança dos torcedores que acompanharam o Planalto na conquista do vice-campeonato de 81, 83 e 84.

Demonstrando um bom futebol, o Planalto venceu o São Cristovão por 3 x 1. José e Olinto em duas oportunidades marcaram para a equipe amarelinha. André descontou para o São Cristovão.

Foto: Arlete Vailatti Bisinella
Por ter participado do jogo festivo, a equipe Planalto foi presenteada com um quadro como forma de agradecimento.

De acordo com o relato de alguns jogadores, o jogo foi uma oportunidade de rever os amigos e relembrar o time que conquistou o título de 1991 quando foi campeão municipal de Nova Pádua.

“Foi como se tivéssemos voltado no tempo e revivido momentos inesquecíveis”, resumiu o atleta Valério Bisinella.

Por: Maicon Pan

domingo, 4 de dezembro de 2011

São José fica em 3º lugar no handebol

Na disputa de 3º lugar, o São José venceu a equipe do Golden pelo placar de 4 x 3. Na preliminar da grande final, as duas equipes fizeram um jogo bastante equilibrado.

Foto: Maicon Pan
Andréia, Adriana, Janete e Tatiane marcaram para a equipe do São José.

Pelo Golden, marcaram Deise, Andrezza e Letícia, mas insuficiente para evitar a derrota que deixou o Golden na 4ª colocação do campeonato.

A equipe do São José terminou em 3º lugar com duas vitórias e três derrotas. Por outro lado, a equipe do Golden teve quatro derrotas e apenas uma vitória, terminando a competição na 4ª colocação.

Foto: Maicon Pan
Campanha
1ª Fase
São José 03 X 07 Sul’ Monte
Base I 06 X 05 São José
São José 11 X 07 Golden

Semifinal
Base I 08 X 02 São José

Final
São José 05 X 04 Golden

Por: Maicon Pan

sábado, 3 de dezembro de 2011

Paredes conquista o título do futsal mirim

Com uma campanha impecável, o Paredes conquistou o título do futsal mirim de Nova Pádua. Na final, a equipe azul e branca venceu a equipe do Gudplei por 2 x 0.

Foto: Maicon Pan 
Num jogo bastante disputado, o Gudplei começou melhor e teve três chances para abrir o placar não fosse a boa atuação do goleiro adversário. A equipe do Paredes abriu o placar num gol contra depois de uma cobrança de lateral de Julio.

No segundo tempo o Gudplei pressionava em busca do empate, mas sem muita organização. Nos minutos finas, Guilherme marcou o segundo gol da equipe do Paredes e comemorou pedindo silêncio para a torcida adversária.

A equipe do Paredes conquistou o bicampeonato de forma invicto e com 100% de aproveitamento. Foram cinco jogos e cinco 5 vitórias em 5 jogos com o goleiro menos vazado e o artilheiro da competição.

Fotos: Maicon Pan
Campanha
Paredes 16 X 00 Barra
Paredes 03 X 02 Gudplei
Barra 01 X 13 Gudplei
Gudplei 01 X 03 Paredes
Gudplei 07 X 00 Barra

Final
Paredes 02 X 00 Gudplei

Por: Maicon Pan

Seleção do Campeonato de Nova Pádua

Foto: Divulgação
Passada uma semana da final do 19º Campeonato, o Piccolo Esportivo entrevistou um atleta de cada equipe para que fizessem a seleção do campeonato.

A única regra era de que os “técnicos” escalassem o máximo de três atletas de cada equipe.

Cristian Menegat e Giovani Fabian fizeram suas escalações como colaboradores do blog. Confira abaixo as dez seleções:

Giovani Fabian - Jackis – Piccolo Esportivo
Goleiro: Jair (Ferroviário)
Zagueiros: Isa (Ferroviário) André (Planalto)
Laterais: Igor (Ferroviário) Daniel (Leonel)
Volantes: Loco Abreu (Paduense) Ricardone (Planalto)
Meias: Ricardo Martello (Planalto) Jonas Motta (Leonel)
Atacantes: Roger (Paduense) Léo (Paduense)
Técnico: Inácio (Paduense)

Cristian Menegat – Piccolo Esportivo
Goleiro: Jair (Ferroviário)
Zagueiros: Muti (Paduense) André (Planalto)
Laterais: Samoel (Paduense) Jedi (São José)
Volantes: Ricardone (Planalto) Kiko (Ferroviário)
Meias: Dudu (Ferroviário) Roger (Paduense)
Atacantes: Jonas (Leonel) Polaco (São José)
Técnico: Olinto Pegoraro (Planalto)

Tiago Sonda - Muti (E. C. Paduense)
Goleiro: Jair (Ferroviário)
Zagueiros: Leandro (São José) André (Planalto)
Laterais: Samoel (Paduense) Jedi (São José)
Volantes: Ricardone (Planalto) Kiko (Ferroviário)
Meias: Dudu (Ferroviário) Roger (Paduense)
Atacantes: Léo (Paduense) Jonas Motta (Leonel)
Técnico: Inácio (Paduense)

Odirlei Salvador (E. C. Leonel)
Goleiro: Ronaldo (Planalto)
Zagueiros: Leandro (São José) Gilson (Leonel)
Laterais: Samoel (Paduense) Daniel (Leonel)
Volantes: Caxias (Paduense) Ricardone (Planalto)
Meias: Rafael Pegoraro (Planalto) Jédi (São José)
Atacantes: Roger (Paduense) Jonas Motta (Leonel)
Técnico: Inácio (Paduense)

Edenilson Dagnese (E. C. São José)
Goleiro: Palha (São José)
Zagueiros: Muti (Paduense) André (Planalto)
Laterais: Caxias (Paduense) Ségio (Cerro Largo)
Volantes: Kiko (Ferroviário) Ricardone (Planalto)
Meias: Roger (Paduense) Josu (Ferroviário)
Atacantes: Polaco (São José) Fábio (Ferroviário)
Técnico: Inácio (Paduense)

Seleção Douglas Balardin (E. C Cerro Largo)
Goleiro: Ronaldo (Planalto)
Zagueiros: Jair (Cerro Largo) André (Planalto)
Laterais: Samoel (Paduense) Sérgio (Cerro Largo)
Volantes: Caxias (Paduense) Ricardone (Planalto)
Meias: Jacson (Cerro Largo) Kiko (Ferroviário)
Atacantes: Roger (Paduense) Fábio (Ferroviário)
Técnico: Olinto Pegoraro (Planalto)

Renato Salvador (E. C Curuzu)
Goleiro: Cesar (Planalto)
Zagueiros: Muti (Paduense) Isa (Ferroviário)
Laterais: Caxias (Paduense) Daniel (Leonel)
Volantes: Tabaco (Paduense) Joel Lusa (Ferroviário)
Meias: Dudu (Ferroviário) Jédi (São José)
Atacantes: Jonas (Leonel) Rafael Dalla Valle (São José)
Técnico: Olinto Pegoraro (Planalto)

Mateus Sacarol (E. C Santo Antônio)
Goleiro: Palha (São José)
Zagueiros: Isa (Ferroviário) André (Planalto)
Laterais: Samoel (Paduense) Daniel (Leonel)
Volantes: Willian (Santo Antônio) Loco Abreu (Paduense)
Meias: Rafael Pegoraro (Planalto) Roger (Paduense)
Atacantes: Josu (Ferroviário) Jonas (Leonel)
Técnico: Marcos Pivotto (Ferroviário)

Ronaldo Boniatti (E. C Planalto)
Goleiro: Ronaldo (Planalto)
Zagueiros: Muti (Paduense) André (Planalto)
Laterais: Samoel (Paduense) Daniel (Leonel)
Volantes: Joel (Paduense) Ricardone (Planalto)
Meias: Dudu (Ferroviário) Jédi (São José)
Atacantes: Josu (Ferroviário) Roger (Paduense)
Técnico: Olinto Pegoraro (Planalto)

Itamar Bernardi - Kiko (E. C Ferroviário)
Goleiro: Cleber (Cerro Largo)
Zagueiros: Isa (Ferroviário) André (Planalto)
Laterais: Samoel (Paduense) Sérgio (Cerro Largo)
Volantes: Loco Abreu (Paduense) Ricardone (Planalto)
Meias: Dudu (Ferroviário) Jédi (São José)
Atacantes: Gustavo (Ferroviário) Roger (Paduense)
Técnico: da equipe do Cerro Largo

Caso tenha a sua própria seleção e gostaria de ver a mesma divulgada no blog Piccolo Esportivo encaminhe pelo e-mail piccoloesportivo@gmail.com ou então comente nesta matéria colocando o seu nome no início ou no final do comentário.

Por: Equipe Piccolo Esportivo

Black Killers é campeão do futsal infantil

Na primeira final da noite, a equipe do Black Killers/Pousada Del Miro conquistou o título do campeonato municipal de futsal categoria infantil. Com apenas duas equipes inscritas, o título foi decidido na melhor de três jogos, todos vencidos pelo Black.

Foto: Maicon Pan
Na noite de ontem, a equipe do Black Killers goleou o Santo Antônio pelo placar de 10 x 3. Com superioridade, o Black conquistou título com certa facilidade. Única conquista da equipe neste ano, o Black Killers promete que vem forte em 2012.

No campeonato, a equipe do Black Killers/Pousada Del Miro foi treinada por Diogo Tonel e Wilian Menegat e teve como destaque o atleta Maico Morandi que marcou 7 gols em três jogos.

Campanha:
Santo Antônio 01 X 05 Black Killers/Pousada Del Miro
Black Killers/Pousada Del Miro 02 X 01 Santo Antônio
Black Killers/Pousada Del Miro 10 X 03 Santo Antônio

Por: Maicon Pan

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Pênaltis: sorte ou competência?

São muitas as frases que escutamos sobre a cobrança de pênaltis. Quem nunca se deparou com frases como: Pênalti deveria ser cobrado pelo presidente do time. Pênalti é loteria. “Acho que foi o Ayrton Senna que puxou aquela bola para o alto", frase de Roberto Baggio sobre o pênalti perdido da decisão da Copa de 94.



Muitos entendidos afirmam que para sair vencedor numa decisão por pênaltis é preciso treinar de forma exaustiva. Dizem que da repetição vem a confiança e a precisão na batida. Outros afirmam que 50% das chances para converter a cobrança depende do lado emocional do atleta. E por fim, um pouco de sorte não faz mal, seja para atletas profissionais ou para atletas que disputam campeonatos amadores.

Em Nova Pádua, o título da 2ª divisão foi decidido nas cobranças de pênaltis. Na série de cinco cobranças, Eder Dagnese errou a 1ª cobrança para o São José e Odirlei Salvador desperdiçou para o Leonel. Na série alternada, Palha defendeu a cobrança de Neco Marin para a alegria da torcida do São José.

Por: Maicon Pan

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Sul’ Monte e Base I disputam o título do handebol

Na noite de ontem, foram definidas os finalistas do campeonato municipal de handebol feminino. No primeiro jogo da noite, o Sul’ Monte venceu a equipe do Golden pelo placar de 7 x 3. No 1º tempo, o Golden não deu chances para o adversário e abriu 3 x 0. Antes que o juiz apitasse o final da 1ª etapa, o Sul’ Monte diminuiu a diferença para 3 x 1.

Foto/Montagem: Maicon Pan
No intervalo o técnico Roger Boniatti acertou a equipe. Antes dos 5 minutos o Sul’ Monte já tinha virado a partida. A equipe do Golden não conseguiu repetir a boa atuação do 1º tempo. Com superioridade, o Sul’ Monte fechou o placar em 7 x 3.

No outro jogo da noite, a equipe do Base I confirmou o favoritismo e venceu a equipe do São José pelo placar de 8 x 2. Desde o início da partida, a equipe do Base I foi superior e construiu a vitória com certa tranqüilidade.

Na próxima sexta-feira, dia 02 de dezembro, as equipes do Sul’ Monte e do Base I se enfrentam na final do handebol feminino de Nova Pádua.

Por: Maicon Pan

No futsal mirim, Paredes continua imbatível

Mais uma vez, a equipe do Paredes não tomou conhecimento no futsal mirim. Na noite de ontem a vitima foi mais uma vez a equipe do Barra. Depois de perder no jogo do 1º turno, a equipe do técnico Eloi Marin foi goleada por 19 x 0.

Foto: Maicon Pan
Com a vitória, a equipe do Paredes garantiu vaga na final e aguarda pelo adversário que sai amanhã entre Gudplei e Barra. No primeiro jogo entre as duas equipes, o Gudplei venceu por 13 x 1.

A final desta categoria acontece na sexta-feira, dia 02 de dezembro, a partir das 20:00h no Ginásio Municipal.

Por: Maicon Pan

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Equipe florense é campeã gaúcha de futebol

O time feminino de futebol de Flores da Cunha é campeão gaúcho da categoria. A equipe venceu o FEC Internacional nos pênaltis por 7 x 6 na tarde de ontem, dia 27 de novembro, e conquistou a taça inédita.

Foto: Antônio Coloda
No tempo normal, o jogo, disputado no Estádio Homero Soldatelli, terminou 1 x 0 para as visitantes.

Como na partida de ida, em Porto Alegre, as florenses ganharam também por 1 x 0, a decisão ocorreu na cobrança de penalidades.

O time campeão estadual é comandado pelo treinador Luciano Brandalise. Leia mais sobre a conquista na edição impressa do dia 2 de dezembro.

Texto: www.jornaloflorense.com.br

Por: Maicon Pan

sábado, 26 de novembro de 2011

Paduense é bicampeão

Em tarde ensolarada, o Paduense sagrou-se campeão do 19º Campeonato Municipal de Nova Pádua – Taça Ângelo Rossi. Com a vitória de 4 x 0 sobre o Planalto, o time da sede conquistou o bicampeonato da modalidade.

Foto: Leticia Pan
Com seis desfalques, o Planalto vez o que pode para segurar o Paduense. Aos 23 minutos, Loco Abreu recebeu a bola na entrada da grande área, driblou três marcadores e chutou forte no canto esquerdo do goleiro Ronaldo fazendo 1 x 0.

Aos 35 minutos, Roger o goleador do campeonato com 14 gols recebeu o cruzamento da esquerda e de primeira colocou a bola no ângulo do goleiro Ronaldo.

No segundo tempo, o Paduense diminuiu o ritmo e o Planalto não demonstrava força para reagir. A equipe do Técnico Olinto Pegoraro sentiu as ausências dos titulares Ricardo Martello, Guto e Ricardone.

Foto: Leticia Pan
Aos 24 minutos, Roger marcou o segundo dele e o 3º do Paduense em cobrança de falta perfeita. Logo em seguida, aos 27 minutos, Roger deixou o companheiro Leo Sonda na cara do gol. O vice-artilheiro da competição só teve o trabalho de deslocar o goleiro Ronaldo e fechar o placar em 4 x 0.

A equipe do técnico Inácio Sonda jogou com seriedade e conquistou título com 9 vitórias, nenhum empate e apenas 1 derrota. Com autoridade, o Paduense é Bicampeão Municipal de Nova Pádua.

Além do título e do artilheiro, o Paduense também conquistou o troféu disciplina. Jair Borella, da equipe do Ferroviário ficou com o troféus de goleiro menos vazado.

Foto: Leticia Pan
Classificação Final
Campeão: Paduense
Vice-Campeão: Planalto
3º Lugar: Ferroviário
4º Lugar: Cerro Largo

Por: Maicon Pan

São José é campeão da 2ª divisão

Foto: Maicon Pan
Debaixo de um sol escaldante, a disputa da 2ª divisão foi decidida na bola parada durante o tempo regulamentar e na cobrança de pênaltis para decidir o campeão.

Na parada para a hidratação na metade do 1º tempo, os jogadores já demonstravam cansaço por conta da temperatura que ultrapassava os 30 graus.

Durante os 90 minutos, o jogo foi decidido em duas bolas paradas. Aos 23 minutos da 2ª etapa, o São José abriu o placar num belo cabeceio do atacante Rafael Dalla Valle.

Foto: Maicon Pan
Depois do gol o jogo literalmente esquentou. Aos 39 minutos, Palha fez uma grande defesa no chute de Vinícius. No lance seguinte Sulivan Bernardi empatou de cabeça depois da cobrança de falta. Aos 44 minutos, Polaco cabeceou acertou o travessão de Totta depois de mais uma cobrança de falta.

Com o placar empatado em 1 x 1, o título foi decidido nos pênaltis. A equipe do São José venceu por 5 x 4 e conquistou o título da 2ª divisão do campeonato Municipal de Nova Pádua – Taça Ângelo Rossi.

Foto: Leticia Pan
Classificação Final
Campeão: São José
Vice-Campeão: Leonel
3º Lugar: Curuzu
4º Lugar: Santo Antônio

Por: Maicon Pan

O dono do apito

Jean Pierre Gonçalves Lima, 32 anos, será o arbitro que terá a missão de conduzir a final do Campeonato Municipal de Nova Pádua da melhor maneira possível. É um juiz experiente, tendo apitado o 1º jogo da final do Gauchão deste ano quando o Grêmio venceu o Gre-Nal por 3x2. Recentemente apitou a vitória do América-MG sobre o Corinthians pelo campeonato brasileirão.

Foto: Divulgação
Na oportunidade marcou um pênalti para a equipe do América, que causou muita discução por parte dos corintianos, e agressão no aeroporto de Guarulhos. Jean Pierri foi cercado por quatro torcedores de uma torcida organizada do Corinthians e atingido por pontapés.

Natural de Pelotas, o árbitro da Federação Gaúcha e árbitro da CBF é professor de educação física. Sua aparência lembra muito a de Vin Diesel, ator norte-americano. A presença do árbitro na grande final é uma atração a mais. Confira os jogos que o árbitro apitou na temporada de 2011 no endereço ao lado: http://www.ogol.com.br/arbitro.php?id=2783&menu=results

Por: Giovani Fabian (Jackís)

Chegou a Hora: Paduense x Planalto

Final:
Data: 26 de Novembro
Horário: 17:00 horas
Local: Campo do Paduense (decidido por sorteio)
Arbitragem: Jean Pierre de Lima, da Federação Gaúcha e Árbitro da CBF


ESPORTE CLUBE PADUENSE

Campanha:
Com uma campanha de 88,88% de aproveitamento, são nove jogos, sendo oito vitórias e uma derrota. É o melhor ataque da competição com 38 gols, em compensação é a defesa que mais sofreu gols das equipes que classificaram para a Primeira Divisão, com 10 gols sofridos.

Quem deve jogar?
Goleiros: Nane ou Piriquito?
Tudo indica que o técnico Inácio vai escalar o goleiro Nane que atuou em todos os jogos da fase classificatória e na semifinal.

Foto: Lucas Sacarol
Laterais: Caxias, Conitcho, Samu, Tatto e Rudi
Na lateral direita, o capitão da equipe Samu vai para o jogo. Conitcho é boa alternativa para a segunda etapa. Na lateral esquerda, o técnico Inácio tem a experiência de Tatto, ou a juventude de Caxias. Os dois são peças chaves do técnico. Rudi lesionado, dificilmente jogará.

Zagueiros: Mutim, Eder Mascarello, Eduardo e Colli.
Com atuações seguras nas semifinais, Mutim deve atuar. Seu companheiro é um mistério. Eder formou a dupla de zaga menos vazada na equipe do Duque de Caxias na categoria Suplente. Eduardo era titular absoluto nos jogos classificatórios e Colli conhece todos os atalhos do campo pela sua experiência, alguém arisca?

Volantes: Tabaco, Loco Abreu e Jones.
Com o experiente Jones lesionado, não resta alternativa para o técnico Inácio. A dupla de volantes será formada por Tabaco e pelo polivalente Loco Abreu.

Meias de Criação: Roger, Duda, Joel Dalla Valle e Tabakin.
Com a formação de três meias de ligação. Roger, artilheiro da competição, Joel com boa marcação e velocidade e Duda com bom domínio de bola e passes precisos, devem compor o meio. Tabakin vem se destacando e também é boa alternativa para o segundo tempo.

Foto: Divulgação
Atacantes: Léo Sonda, Miro, Saca e Jackís.
Com um atacante, Léo Sonda será o responsável para balançar a rede adversária. Miro, Saca e Jackís, são prováveis alternativas para o 2º tempo.

Provável escalação (4-5-1):
Nane; Samu, Mutim, (????), Tatto(Caxias); Tabaco, Loco Abreu, Roger, Duda, Joel; Léo.

Olho nele:
Roger: É a destaque do time. É o goleador da competição com 12 gols. Com suas cobranças de faltas precisas e um toque de bola refinado, será uma preocupação para a equipe adversária.


ESPORTE CLUBE PLANALTO

Campanha
A equipe do Planalto chega a final com 5 vitórias, 2 empates e duas derrotas, uma delas diante do adversário da final. O ataque marcou 13 gols e a segunda melhor defesa do campeonato levou apenas 8 gols.

Quem deve jogar?
Foto: Divulgação
O técnico Olinto Pegorraro não deve ter dormido muito bem durante esta semana para escalar a equipe do Planalto para o jogo da grande final. Olinto não poderá contar com Rica e Gabri Martello expulsos no 2º jogo da semifinal, Guto e Ricardone comprem suspensão pelo 3º cartão amarelo, além dos reservas Plínio Bisinella e Pedro Pegoraro que foram suspensos por um ano pelos incidentes do jogo de ida da semifinal. E por fim, o técnico Olinto Pegoraro que não poderá comandar a equipe da casamata por ter sido expulso no último domingo.

Retornos:
A equipe do Planalto terá o retorno do lateral Cesar Ulian que sofreu uma lesão no ombro no jogo de ida da semifinal. Quem retorna de suspensão é o meia Guilherme Gelain que na final será improvisado como volante.

Quem deve começar a partida
Goleiro: mesmo com boa atuação de Cesar durante a 1ª fase, quem deve iniciar a decisão é Taguá que defendeu uma penalidade na decisão contra o Ferroviário.

Zagueiros: o capitão André Ulian e Guilherme Pegoraro

Laterais: Cesar Ulian que volta de contusão assume a lateral direita. Leo deve ser deslocado para a lateral esquerda

Foto: Maicon Pan
Volantes: Luiz que jogou na lateral esquerda no último jogo deve assumir a vaga de Ricardone. Guilherme Gelain que volta de suspensão atuará como volante.

Meias: Rafinha Pegoraro é titular. É provável que Felipe Mascarello atue como meia por ter facilidade de chegar no ataque.

Atacantes: o jovem Douglas e Rafael Martello terão a tarefa de marcar os gols da equipe do Travessão Bonito.

Time Provável (4-4-2)
Ronaldo, Cesar, Guilherme Pegoraro, André, Leo, Luiz, Guilherme Gelain, Rafinha, Felipe, Douglas e Rafael Martello.

Olho nele: Felipe Mascarello, o Dibo: Apesar de ter estreado apenas na última rodada da 1ª fase diante do Cerro Largo, mostrou que faz muita falta para a equipe. Prata da casa, Mascarello tem habilidade, drible curto e um chute forte de longa distância. Foi assim que Dibo abriu o placar diante do Ferroviário no último domingo. É a peça de desafogo que sabe prender a bola no ataque até que a equipe se aproxima para atacar.

Por: Equipe Piccolo Esportivo

Black Killers vence no futsal infantil

Na abertura do campeonato municipal de futsal categoria infantil, a equipe do Black Killers/Pousada Del Miro venceu a equipe do Santo Antônio pelo placar de 5 x 1.

Foto: Maicon Pan
De acordo com o regulamento da competição, as duas equipes se enfrentam na melhor de três jogos. A equipe que somar o maior número de pontos conquista o título desta categoria.

Na próxima quarta-feira, dia 30, as duas equipes se enfrentam pela 2ª vez. Caso uma equipe vença dois jogos será automaticamente campeã.

Por: Maicon Pan

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Biografia do Homenageado

Filho de Maria Bernardi e Pietro Rossi, Ângelo Rossi nasceu no Travessão Curuzu no dia 26 de março de 1896. Aos 22 anos casou-se com Maria Giacometti, e do matrimônio nasceram as filhas Natalina, Ermelinda, Cecília, Sabina, Maria e Assunta.

Foto: Maicon Pan
Depois de ficar viúvo, em 1932, casou-se com Assunta Valpes, sendo que da segunda união nasceram Inês, Saliche, Henrique, João, Agustinho, Angelina e Severina. Com uma família de 13 filhos, Ângelo viveu na simplicidade e lutou para superar as dificuldades.

Ângelo faleceu no dia 23 de novembro de 1964, aos 68 anos de idade. Pela sua destacada vida na sociedade paduense, os familiares e amigos prestam a homenagem denominando o 19º Campeonato Municipal de Nova Pádua de Taça Ângelo Rossi.

Por: Maicon Pan

Handebol define confrontos da semifinal

Os jogos da última rodada da fase de classificação do handebol feminino definiram os confrontos da semifinal. No primeiro jogo da noite, a equipe do Sul’ Monte venceu a equipe do Base I pelo placar de 5 x 3 e assumiu a liderança da competição.

Com apenas seis jogadoras em quadra, a equipe do Golden não suportou a pressão do São José e perdeu por 11 x 7. Com a derrota, a equipe do Golden caiu da 2ª para a 4ª colocação da tabela.

Foto: Maicon Pan
O confronto direto foi o critério que definiu os dois confrontos da semifinal. Sul’ Monte e Base I terminaram a 1ª fase com 6 pontos. Por ter vencido o confronto entre as duas equipes, o Sul’ Monte terminou na 1ª colocação e a equipe do Base I ficou em 2º.

São José e Golden terminaram a 1ª fase com 3 pontos ganhos. Mais uma vez o critério de desempate definiu o São José na 3ª colocação por ter vencido o confronto direto contra o Golden.

Confrontos da Semifinal
Vinhos Sul’ Monte x Golden/Boscato Vinhos Finos
Base I/Vinhos do Vale x São José

Por: Maicon Pan

Gudplei vence a primeira no futsal mirim

Na noite de ontem, a equipe do Gudplei se recuperou da derrota para o Paredes e goleou a equipe do Barra pelo placar de 13 x 1.

Foto: Maicon Pan
Com a vitória o Gudplei marca os seus primeiros 3 pontos e hoje estaria classificado para fazer a final da competição.

Na próxima segunda-feira começa o returno do Futsal Mirim. No 1º jogo da noite, o Paredes enfrenta a equipe do Barra. Na quarta-feira, dia 30, o Gudplei enfrenta o Paredes para definir os finalistas da competição.

Por: Maicon Pan

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Nova Pádua está fora do Integração

No último sábado, dia 20 de novembro, as três equipes paduenses foram eliminadas do Campeonato Integração de Bochas. Jogando em casa, a equipe do Curuzu precisava reverter o placar de 5 x 1 sofrido no 1º jogo diante do Nova Veneza. A equipe venceu a 1ª e a 2ª partida, dando a impressão que o resultado de 6 x 0 seria alcançado. A equipe do Travessão Alfredo Chaves venceu a 3ª e a 4ª partida, adiando o sonho da atual campeã de conquistar o bicampeonato.

Foto: Antônio Coloda
Nos mais diferentes esportes, os atletas questionam se é melhor jogar a primeira partida em casa ou como visitante. Na bocha não é diferente. A rodada de sábado deixou bem claro que não adianta decidir em casa se a equipe não consegue um bom resultado longe de seus domínios.

Com a derrota por 5 x 1 sofrida na comunidade de São Paulino, a equipe do Paredes também tinha uma tarefa indigesta. O empate em 2 x 2 eliminou o Paredes que buscava o título inédito da categoria.

A esperança de Nova Pádua estava depositada na equipe do Accioli, Jogando em casa, a equipe paduense havia vencido o Morro do Sabiá por 5 x 1. No jogo de volta, o Accioli precisava vencer duas partidas para seguir adiante na competição. No último sábado, a equipe florense devolveu o placar de 5 x 1 e conquistou a vaga para a próxima fase na soma dos pontos.

Mesmo com a eliminação das equipes de Nova Pádua, o município continuará sendo representado pelos atletas Amarildo Tonello, Ivanir Menegat, Lourenço Tonello e Olir Menegat da comunidade do Travessão Divisa e que neste campeonato atuam pela equipe do Morro do Sabiá.

Por: Maicon Pan

Base I dispara na liderança do handebol

Na noite de ontem, a equipe do Base I conquistou a 2ª vitória consecutiva no handebol feminino de Nova Pádua. Num jogo equilibrado, a equipe comandado pelo técnico Ronaldo Boniatti venceu a equipe do São José pelo placar apertado de 6 x 5 e agora lidera a competição de forma isolada.

Foto: Maicon Pan
No outro jogo da noite, a equipe do Golden conquistou a sua primeira vitória na competição. Com a vitória de 6 x 2 diante da equipe do Sul’ Monte a equipe dos técnicos Ricardo Martello e Everton Pirolli assume a 2ª colocação na tabela de classificação.

Amanhã, dia 24, acontece a última rodada da fase de classificação. A equipe do Base I enfrenta o Sul’ Monte. No outro confronto o Golden enfrenta a equipe do São José. Os jogos decidem os confrontos das semifinais.

Por: Maicon Pan

Paredes abre vantagem no futsal mirin

Na segunda rodada do futsal mirin, a equipe do Paredes venceu o Gudplei pelo placar de 3 x 2. Com a vitória, o Paredes chegou aos 6 pontos enquanto que os dois adversários ainda não somaram pontos na competição.

Foto: Maicon Pan
Na próxima rodada que acontece amanhã dia 24 de novembro, a equipe do Gudplei/Dom Camilo/Naja enfrenta o Barra em busca da 1ª vitória. O líder Paredes folga na rodada.

De acordo com o regulamento, disputam o título as duas equipes melhores colocadas na 1ª fase.

Por: Maicon Pan

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Leonel e São José na final da 2ª divisão

No último domingo, no Travessão Accioli, a equipe da casa voltou a vencer o Santo Antônio. Depois da vitória de 3 x 0 no jogo de ida, o São José venceu pelo placar de 7 x 1. O placar foi construído com gols de Mateus, Jedi (2), Eduardo, Polaco (2) e Diogo. Guilherme descontou para a equipe do Travessão Paredes.

Foto/Arquivo: Maicon Pan
No Estádio Dei Monti, no Travessão Leonel, o time da casa repetiu o placar do 1º jogo e venceu por 2 x 1 a equipe do Curuzu. Com a vitória, o Leonel se credenciou a disputar a final da 2ª divisão contra o São José. Odirlei e Clademir marcaram para o Leonel enquanto que o artilheiro Renato Salvador descontou para os visitantes.

Na última rodada da 1ª fase as duas equipes se enfrentaram no jogo que foi realizado no Travessão Leonel. Naquela oportunidade, o São José venceu por 2 x 1 e ficou a um ponto da classificação para a 1ª divisão.

Por: Maicon Pan

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Paduense e Planalto decidem o título

Com o placar de 4 x 0 no primeiro jogo da semifinal, o Paduense praticamente havia assegurado a sua vaga na final. Na tarde de ontem, as duas equipes fizeram um jogo muito sonolento. Numa boa troca de passes, o atacante Douglas Balardin chutou da entrada da área abrindo o placar para o Cerro Largo.
 
Foto/Arquivo: Maicon Pan
Logo no início da segunda etapa, o Paduense chegou ao empate com Caxias. Aos 25 minutos da etapa final, o goleador Roger Boniatti marcou o seu 12º no campeonato e virou o jogo para o Paduense. Na soma dos dois jogos, o time da sede venceu pelo placar de 6 x 1.

No próximo sábado, o Paduense decide a sexta final consecutiva contra o surpreendente Planalto que venceu o Ferroviário na semifinal.

Foto: Maicon Pan

domingo, 20 de novembro de 2011

Planalto conquista vaga na final

Depois da derrota de 2 x 1 em casa no primeiro jogo da semifinal, nem o mais apaixonado torcedor do planalto acreditava na classificação para a final da 1ª divisão. No jogo desta tarde, no Travessão Curuzu, as equipes fizeram um jogo nervoso e muito disputado.

No inicio de jogo, um lance que preocupou atletas e torcedores. Numa disputa de bola, Ricardone acertou a cabeça do atacante Josu do Ferroviário que teve que deixar o campo carregado pelos colegas de equipe.

Foto: Maicon Pan
Numa bela jogada pela ponta esquerda, Douglas lançou Fepile Mascarello que da entrada da grande área acertou um belo chute no canto direito do goleiro Jair. No final da 1ª etapa o Ferroviário chegou ao empate. O atacante Fábio Menegolla cobrou falta da esquerda do ataque e acertou o ângulo esquerdo do goleiro Ronaldo Boniatti.

No segundo tempo, o Ferroviário pressionou mais e a equipe do Planalto jogava nos contra-ataques com a rapidez de Douglas e Felipe. Ronaldo salvou a equipe visitante em duas oportunidades. Quando o cronômetro se aproximava dos trinta minutos, Luiz Panizzon marcou de cabeça para comemoração da torcida amarela.

Antes do final da partida, o juiz da partida expulsou Joel Luza do Ferroviário e os irmãos Ricardo e Gabriel Martello da equipe do Planalto. Com o mesmo resultado do jogo do jogo de ida, a decisão da vaga foi decidida nos pênaltis.

Foto: Maicon Pan
Nas penalidades máximas, a equipe campeã da 2ª divisão de 2010 venceu por 3 x 0. Pelo planalto marcaram Felipe, Douglas e Guto. Do lado do Ferroviário, desperdiçaram a cobrança o goleador Fábio Menegolla que acertou a trave, o volante André Debon parou nas mãos do goleiro Ronaldo e o lateral Paquinha que também acertou a trave.

O técnico Olinto Pegoraro destacou a vitória da equipe. “A nossa equipe não era favorita. Mesmo com um jogador a menos no primeiro jogo da semifinal perdemos pelo placar mínimo e chegamos vivos para o jogo de hoje”.

Questionado se o Planalto tem condições de surpreender o Paduense na grande final, Olinto adiantou que a equipe terá vários desfalques para a final. “O Planalto vai como franco atirador”, finalizou o técnico na saída do gramado.

Resultados 1ª Divisão
Paduense 2 x 1 Cerro Largo (4 x 0)

Resultados 2ª Divisão
Leonel 2 x 1 Curuzu (2 x 1)
São José 7 x 1 Santo Antônio (3 x 0)

Por: Maicon Pan

sábado, 19 de novembro de 2011

Destaques do certame de Flores da Cunha

No total, 18 jogadores paduenses participaram do campeonato de Flores da Cunha categoria suplente e principal. Destaque para Tiago Sonda, Samoel Pauletti e Cristian Menegat que conquistaram o título da categoria Suplente pela equipe do Duque de Caxias da Liinha 60.

Na categoria principal, destaque para o paduense Willian Menegat (Piriquito), que levou o troféu de goleiro menos vazado. Em 10 jogos pela equipe do Duque de Caxias, Willian levou apenas 7 gols, uma média de 0,7 por jogo. Mesmo com o vice-campeonato, Piriquito foi um dos destaques da equipe da Linha 60.

Piccolo Esportivo: Porque você escolheu ser goleiro?
William Menegat: Cada pessoa nasce com um dom. Quando era pequeno queria ser atacante e marcar muitos gols. Infelizmente não deu muito certo e então comecei a atuar como goleiro e evitar os gols dos adversários.

Foto: Antônio Coloda
Piccolo Esportivo: Você foi um dos destaques do vice-campeonato da equipe do Duque de Caxias. O que faltou para conquistar o Bi?
William Menegat: A equipe do Duque desse ano foi o melhor time que eu já atuei. O time tinha muita qualidade. Chegamos à final de forma invicta, mas não conseguimos levar o Bicampeonato para a comunidade da Linha 60. O time não rendeu o que rendeu durante todo campeonato. O time sentiu o desfalque do Polaco (suspenso) e do Maikel (lesionado). Com estas opções, talvez o resultado da final poderia ter sido diferente.

Piccolo Esportivo: Quantos títulos de goleiro menos vazado você já ganhou no futebol?
William Menegat: Campeonato de Juniores de Flores da Cunha em 2006, 2007, 2008, 2009 e 2010. Campeonato de Juniores de Nova Pádua em 2010. Campeonato Municipal de Campo de Nova Pádua em 2006 e 2008. Campeonato Municipal de Campo de Flores da Cunha em 2011 e Copa dos Campeões de Nova Pádua em 2009.

Piccolo Esportivo: Por quais equipes de futebol você já atuou?
William Menegat: Em Nova Pádua joguei no Paduense e na S.E.R Paredes. Em Flores da Cunha atuei no Guarani, Rosário, Rui Barbosa, Independente, Otávio Rocha, Atlético e Duque de Caxias

Piccolo Esportivo: Como você resume o ano de 2011 no futebol?
William Menegat: Não foi um ano vitorioso. Nos três campeonatos que disputei fui vice-campeão. Tenho certeza que o ano de 2012 será melhor.

Por: Cristian Menegat e Maicon Pan

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Base I estréia com goleada

Na primeira rodada do handebol feminino, a equipe da Base I, atual campeã, estreou com vitória sobre o Golden pelo placar de 16 x 7. Com o desfalque da goleira Simone, o Golden teve que improvisar a atleta Julia Menegat. Com praticamente o mesmo grupo do ano passado a equipe da Base I venceu com alguma facilidade.  

Foto: Maicon Pan
No outro jogo da noite, o placar foi mais equilibrado. A equipe do Sul’ Monte venceu o São José pelo placar de 7 x 3. Na próxima terça-feira, o Golden/Boscato Vinhos Finos busca a reabilitação diante da equipe Vinhos Sul’ Monte e o São José busca a primeira vitória diante do Base I/Vinhos do Vale.  

Conforme o regulamento do handebol feminino, as quatro equipes se enfrentam em turno único. Nas semifinais, haverá cruzamento entre 1 x 4 e 2 x 3 quando serão conhecidas as equipes finalistas.

Por: Maicon Pan

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Goleada na abertura do futsal mirin

Na estréia do campeonato municipal de futsal categoria mirin, a equipe do Paredes goleou a equipe do Barra pelo placar de 16 x 0.

Foto: Maicon Pan
Na próxima terça-feira, dia 22, o Paredes busca a 2ª vitória consecutiva contra a equipe do Gudplei que faz a sua estréia na competição.

No futsal categoria mirin, as três equipes se enfrentam em turno e returno, classificando-se para a final os dois primeiros colocados.

Por: Maicon Pan

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Accioli vence, Curuzu e Paredes perdem

Jogando em seus domínios, a equipe do Travessão Acciolli venceu a equipe florense do Morro do Sabiá por 5 x 1. No próximo sábado a equipe de Nova Pádua precisa vencer duas partidas para conseguir a classificação.

Foto: Antônio Coloda
Jogando no Travessão Alfredo Chaves, a equipe do Curuzu perdeu por 5 x 1. Por ter perdido duas partidas de 24 x 0, a equipe paduense precisa vencer cinco partidas e abrir uma grande diferença de pontos ou então vencer o jogo pelo placar de 6 x 0.

Outra equipe que não se deu bem jogando fora de casa foi o Paredes. Na comunidade de São Paulino, a equipe paduense também perdeu por 5 x 1. Como já aconteceu neste campeonato, o Paredes precisa reverter a vantagem do adversário jogando em casa. Se vencer cinco partidas a vaga na próxima fase será decidida na soma dos pontos.

Para não correr riscos, o interessante seria vencer as seis partidas e aguardar o sorteio da próxima fase do campeonato de integração de Nova Pádua e Flores da Cunha.

Por: Maicon Pan